FC Porto “entalado” pelo Tribunal a pagar uma elevada multa

O Supremo Tribunal Administrativo obrigou este mês o FC Porto a pagar uma multa de 15.300 euros que lhe tinha sido aplicada pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por considerar que o clube ofendeu um árbitro numa newsletter oficial do clube.

O texto punha em causa a imparcialidade do videoárbitro (VAR) que interviera num jogo entre o Feirense e o Benfica em Abril do ano passado, sugerindo que o juiz favorecera o clube da Luz.


Partilha com os teus amigos!