Impostos “prendem” Jorge Jesus na Arábia Saudita até Janeiro

Os principais jornais alegam que o técnico português virá de facto para o Benfica. Jorge Jesus é a principal alternativa de Vieira para suceder a Rui Vitória, segundo adianta o jornal “A Bola”, mas o regresso do antigo treinador do Benfica, para já, está colocado de parte. Pelo menos até final deste ano.

O ex-treinador do Sporting, 64 anos, está ligado ao Al-Hilal, da Arábia Saudita, mas se decidir sair até ao final do ano, os salários do treinador terão de ser tributados em Portugal, o que provocará um investimento grande por parte da SAD encarnada. Essa situação só se altera em janeiro, daí que um eventual regresso só seja admissível em 2019.

Vieira e o antigo treinador do Benfica que, em 2015, terminou contrato com as águias e se mudou para o rival Sporting têm conversado regularmente. Depois de meses de relações cortadas, Vieira e Jesus retomaram contactos.

Manter Rui Vitória continua a ser a prioridade de Luís Filipe Vieira, apesar das pressões internas para uma troca de treinador nesta altura. Tudo está, obviamente, relacionado com os resultados nos próximos jogos, sobretudo Ajax e Tondela.

Na semana passada, em entrevista à TVI, o presidente das águias não desmentiu a possibilidade de Jorge Jesus regressar um dia ao comando técnico do Benfica, desde que Rui Vitória quisesse deixar o clube.

Gostaste deste artigo?

Nós gostamos de partilhar histórias como estas todos os dias no Facebook
Clica no botão "Gosto" abaixo para seres o primeiro a saber!