Jogadores do Portimonense “desconcentrados” no lance do último golo do FCP

Assistimos a mais uma jornada de #PortoAoColo, nada de novo para quem acompanha o futebol nos últimos tempos. Um encontro que foi claramente comandado pelo árbitro da partida, Rui Costa, que logo no início decidiu oferecer um penálti aos visitantes, com o aval do VAR (Manuel Serrão já tinha alertado que o VAR serve para rouVAR), Vasco Santos (ver aqui).

Rui Costa não esperava que em apenas 2 minutos o Portimonense empatasse o jogo, até porque como são clubes que se dão bem, não seria de esperar uma reacção dessas, até aí tudo bem. Não contente com o 2-2, Rui Costa decide prolongar o encontro até o FCP marcar, o que também já não é inédito no nosso campeonato.

Decorria já o minuto 99 quando é apontado o canto a favor do FCP, e último lance da partida, e uma “desconcentração” dos jogadores da casa permite que o jogador do Porto encoste a bola para o fundo das redes sem grande dificuldade.

O lance está a ser muito falado nas redes sociais:

Fonte: vsports.pt

Partilha com os teus amigos!