Vale e Azevedo: Tribunal arquiva processo de apropriação de 1,2 milhões do Benfica

João Vale e Azevedo, antigo presidente do Benfica, está livre do processo em que era acusado de se ter apropriado de 1,2 milhões de euros do clube.

A notícia está a ser avançada pela TVI, que cita um documento datado de 20 de Fevereiro, no qual o Tribunal Judicial de Lisboa declara o arquivamento definitivo do caso, dando razão a um acórdão do Tribunal da Relação, favorável à prescrição do procedimento crim1nal por já terem decorrido mais de 20 anos da prática dos factos.

O arquivamento foi contestado pelo Ministério Público mas sem sucesso, deixando assim sem castigo os alegados cr1mes dos quais o antigo advogado era acusado, e que lesaram o clube.

Vale e Azevedo que, recorde-se, tem ainda de cumprir 10 anos por desvio de outros quatro milhões de euros das contas do Benfica, relativos a transferências de jogadores. O ex-dirigente estará a viver em Londres, e já terá sido feito um pedido de extradição.

É o tal “Benfiquistão” na justiça que os rivais tanto falam, no qual o Benfica sai a perder, uma vez mais.

va-vale-e-azevedo

Fonte: abola.pt

Partilha com os teus amigos!