José Calado arrasa o VAR e lança uma questão aos árbitros

O comentador afecto ao Benfica arrasou a decisão de Jorge Sousa ao assinalar o pontapé de penalti a favor do FC Porto, quando Alex Telles atira a bola contra o braço do defesa algarvio.

“O ecrã do VAR fica a quantos quilómetros do estádio?”, disse o ex-jogador do Benfica, José Calado, não percebendo como é que um dos melhores árbitros portugueses (alegadamente…) não foi consultar as imagens para tirar conclusões, depois do jogador do Portimonense dizer que a bola bateu no braço, e até para se precaver de um eventual “erro” do VAR, Vasco Santos (que erra muito a favor sempre dos mesmos como se pode ver aqui).

Já no que diz respeito à “desconcentração” dos jogadores do Portimonense no último lance do jogo, e que daria a vitória ao FCP, José Calado, com o profissionalismo e respeito que o caracterizam, preferiu não levantar suspeitas sobre o tema.

“O VAR tinha obrigação de bem analisar, mas árbitro e VAR foi juntar fome com vontade de comer, tanto na fraca qualidade, como na competência”, rematou.

Fonte: carregabenfica.com.pt

Partilha com os teus amigos!